Podcast ao Cubo

Lovecraft Country e o Horror do Racismo

019. Podcast ao Cubo
Lovecraft Country
Baixe também em 32KBPS | 64KBPS | 96KBPS
Clique com o botão direito do mouse e escolha
Salvar Link Como…

Antes de tudo é bom salientar que esse episódio é sobre a adaptação no universo de H. P. Lovecraft, ainda mais que o autor do livro apenas usa seu universo de horror cósmico para contar a história ao passo que debatemos sobre a produção, roteiro e o que ele aborda. Fora isso, sejam bem vindos Cubolinos e Cubolinas em mais um podcast³. Lovecraft Country e o Horror do Racismo.

Enfim, esse episódio teve como apresentador e anfitrião o nosso diretor Matheus Ribeiro (Que adoraria ir as festas de Letitia Fucking Lewis), mas como sempre ele não está só e Jon Souza (Que sonha cruzar a estrada no Woody) aparece para dar as honras de sua opiniões juntamente com Diego Ramon (Que largou as piadas pelas sábias e duras palavras) ainda assim trazendo para esse cast um um grande amigo e dono da página Cospositivismo Alexandre Damião (Que procura um filhote de Shogoth para adoção). Enfim, não esquecendo de Tiago Batista (o caçador de racistas).

Sinopse | Atticus Freeman viaja do sul dos Estados Unidos a sua cidade natal, Chicago, para procurar Montrose, seu pai desaparecido, e recruta seu tio George e sua amiga de infância Leticia para ajudá-lo na jornada.


Ouça também em nossos agregadores:  AnchorStitcherGoogle PodcastsSpotify e no iTunes.


Nesse episódio debatemos:

  • O pacote Território Lovecraft
    • A série é uma surpresa?
    • E o elemento terro, horros e viceral que a série tem?
    • A série resignificou o mundo de H. P. Lovecraft?
    • O livro é uma plataforma para a serie?
  • Dissecando o Território Lovecraft
    • O final fechou o círculo?
    • Humanizaram a Christina?
    • Foi ela quem imunizou Letti?
    • Dee e o monstro?
    • Temos algo apressado?
    • E o desenvolvimento de Montrose?
    • Plot LGBT okay?
    • E a relação Christina com Ruby?
    • Ruby e a irmã
    • Os episódios “separados” teria que ter mais?
  • Finalizando
    • Segunda temporada ou minissérie?
    • Cabe uma segunda temporada?
    • O que poderia ser desenvolvido em uma segunda temporada?

Acima de tudo, quer saber mais do trabalho do Alexandre. Contufo saiba que ele é o dono e mediador da página no facebook da Cospositivismo. Ao passo que serve como um refugio para pessoas amantes do universo cosplay e que sonha com um ambiente menos tóxico.

Acesse a imagem e vá para o instagram.

A principio um espaço seguro para cosplayers interagirem com outros e poderem debater, ou seja sobre as coisas que acontecem no meio cosplay brasileiro.
CosPositivismo é uma iniciativa de união e inclusão entre cosplayers, uma página de divulgação de cosplayers engajada em mostrar a diversidade existente no universo cosplay. bem como acreditamos que o cosplay é para todos, logo depois motivamos e apoiamos todos que queiram se inserir na arte do cosplay, independente de etnia, gênero, tipo físico ou necessidades especiais.

Certamente é um bom tema ainda mais com a ideia de ser uma pagina refugio contra a toxixidade.


Clipping


Nosso último Podcast:


Antes de mais nada, entre em nosso grupo no Telegram e venha debater The Boys com a gente!!!

Louge Cube
Lounge Cube

Recados

Em suma, mudamos e queremos que nos siga nas redes sociais, importate pois além do áudio temos toda uma equipe trazendo mais conteúdo para você, seja em vídeos ou fotos imediatamente pelo nosso Instagram ou às vezes conversando diretamente com a gente pelo Twitter, éao passo que é uma boa devido ao fato de que temos ótimas enquetes. Mas se você quiser rir e se divertir certamente venha nos vem no Tik Tok, é @podcastaocubo.

Por outro lado, às vezes o tipo de ouvinte que consegue ter sua dúvida sanada só em ler nossa sessão nesse post (lendo o que aqui é dito ou mandando uma mensagem sas redes sociais, por exemplo) provavelmente terá seu nome anunciado em poscast futuro. Todavia e, portanto, se aqui estiver lendo. Por fim, epero que acima de tudo goste do cast. Lovecraft Country e o Horror do Racismo.


Edição do Podcast por Andre Lenon.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *